Bem vindo a Uma vida...na estrada


Uma vida... na estrada.
reflexões, historias, acontecimentos, desabafos; uma vida!

uma vida...
por vezes ate pensada como perdida;
mas sempre vivida!!
se bem aproveitada ou não;
isso já é outra discussão!!
-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-. Digam o que disserem!!! Sou como sou; não como querem que eu seja!!!.-.

quinta-feira, 1 de novembro de 2007

balanço

Logo de manhã cedo fui dar uma volta, tomar o pequeno almoço, as pessoas já rumavam ao cemiterio, como anda tudo triste e eu procuro afastar-me desse sentimento vim embora, voltei ao meu "territorio";
Estava por aqui a catalogar as fotos restantes do verão, foram muitas e variadas, paisagens, amigos, encontros, maquinas ou viaturas, é o que faz as digitais, podemos tirar á vontade, se não agradar depois apaga-se...
Encontrei um pouco perdidas estas fotos, numa praia que me agrada alem de nem ser famosa nem ter assim muita coisa, o mais famoso por lá talvez seja a festa do S. Paio, e logo a seguir se é que não está em primeiro é o Alberto, restaurante, petisqueira e claro cervejaria, um dia que possam passar na Torreira vão lá, de certeza que não se desiludem, e pra mais, não podem dizer que foram á Torreira senão passarem no Alberto, é tipo ir a Paris e não ver a torre...
È no largo desta foto, de costas para a praia do lado direito, que por lá encontram o restaurante...

Uma vista do passeio maritimo

A praia principal não é grande, mas o areal, para quem gostar de andar na areia estende-se nas laterais em quilometros de praia vazia, boa para estar nas calmas ou recomendavel para casais romanticos apaixonados... eu alem de andar na areia,
gosto tambem de passear no passeio maritimo reconstruido á pouco, agora até tem uma pista ciclistica, já experimentei e está aprovada...


Como dizia, é uma praia ideal para quem procura calma, sem encontrar famosos, nem grandes confusões, excepto no primeiro fim de semana de Setembro, altura de romaria o transito fica infernal mesmo...

Resumindo, a praia é mesmo um local de visita, durante todo o ano, a cervejaria tambem!!
Outra particularidade da terra é que está entre aguas, de um lado o mar, do outro
a ria, chamada de ria de Aveiro, com todos os seus vivalves, lodo, moliceiros, lanchas, um que outro pequeno iate, pequenas praias, marinas pescadores e até escola de vela e... claro, mulheres...
Feito o balanço das recordações resta-me esperar pelo retorno lá, e a passagem obrigatória na cervejaria...

preciso companhia, acompanhas-me??

P.S. o casal da foto não sou eu, alias foram até bastante simpaticos em deixar-me sacar a foto

6 comentários:

Kátia disse...

Adorei as fotos!Esse neg�cio de cemit�rio n�o � comigo.Veja se n�o � algo t�o sem l�gica:Oa no inteiro ningu�m vai l�mas no dia de finados ficam lotados?Triste n�o?.......Bem,bem....vou acompanhar-te na cerveja,aqui t� calor mesmo,s� que voc� bebe e pede pra mim uma �gua de c�co est� bem?:)
Posso sempre levantar e dan�ar ao som dessa m�sica.
Beijo!!!!

Amsilva disse...

Katia
eu tenho um nome para essa atitude das pessoas encherem o cemiterio neste dia, mas prefiro não o dizer...
garçon!!
sai uma cerveja bem gelada e uma agua de coco para a mesa 5 se faz favor
dançe...
bjks

Aorta disse...

Obrigada pela dica. Um dia destes vou até lá.

Amsilva disse...

Aorta
se não for longe vale sempre a pena...

Vanessa Lourenço disse...

O fim-de-semana foi longo, e só hoje vim vislumbrar o que bem-disposta me deixa. A praia parece-me bastante boa, a descrição "entre àguas" faz-me lembrar a minha bem amada Odeceixe. Aceito o convite, aceito sim. S ainda quiseres ( a companhia), afereço-ta eu, um beijo.*

Amsilva disse...

Vanessa Lourenço
já sentia a tua falta por cá....
bem, o melhor será marcar então uma ida á cerveja, com marisco a acompanhar, pode ser?
e claro que aceito a companhia
beijo